FANDOM


Aurora está no topo do castelo — No último episódio... — A tela se distancia de Aurora e um telão se revela. Vários clipes passam enquanto Aurora fala. — Vinte e um competidores se juntaram a o reality show e três times foram formados. Amizades se formaram. — Um clipe de Bethany e Penny é exibido. — e rivalidades também. — Um clipe de Penny e Vicky é mostrado. — Os Gorilas tiveram várias vantagens, mas graças a atitude de um perdedor, eles perderam epicamente. Levando-os para a eliminação, onde tiraram dos seus ombros um grande peso — Um clipe de Bo na dama de ferro é mostrado. — Agora, todos estão reunidos e um novo episódio começa, veja mais de DRAMA. TOTAL. O CASTELO ASSOMBRADO!

A cena muda para a cozinha.

— Por que nós estamos aqui mesmo? — Troye perguntou enquanto se aproximava de seus membros de equipe, que não sabiam o que fazer com vários ingredientes em cima da mesa.

— A Aurora nos disse que teríamos que preparar o nosso próprio café da manhã, mas nós não sabemos o que fazer. — Rocky respondeu.

— Eu posso fazer panquecas, é claro, se todo mundo concordar. — Eliott disse em um tom baixo, e apesar de todos terem ouvido, foi completamente ignorado.

— Podem fazer o que vocês quiserem, desde que não suje as minhas roupas! — Lizzie disse em um timbre esnobe enquanto massageava seu cabelo.

— Ah, é claro, até porque você é a princesinha que diferente de todos merece um tratamento especial pra não sujar a roupinha. Nós vamos fazer o que a maioria concordar, e quem não estiver satisfeito, a porta da rua é a serventia da casa. — Rocky disse enquanto ameaçava Lizzie apontando o dedo cada vez mais perto de seu rosto.

No confessionário — É verdade que a Lizzie deu motivo pra aquela resposta, mas essa Rocky é muito explosiva, se continuarmos nesse ritmo até o final do programa ela já vai ter brigado com os membros de todas as equipes. — May cruza os braços e o confessionário acaba.

— O que vocês vão fazer pro café da manhã? — Todd disse se aproximando de suas parceiras de equipe, que já estavam todas juntas.

— Sanduíche com queijo minas e peito de peru, e pra beber, leite. — Vicky respondeu calmamente enquanto agrupava o peito de peru e o queijo minas.

— Ah obrigada, mas eu dispenso o leite, sou alérgica a lactose, eu prefiro suco de laranja. — Hillary disse, dando a impressão de estar ordenando que Vicky o fizesse.

— Você não tem que dispensar nada, o que tem pra comer que coma, se não estiver afim, passa fome! Aqui é assim.  Vicky respondeu agressivamente.

Dentro do porão, Pepper cozinha morcegos enquanto Vandella a assiste e o resto do time dorme.

— Então, por que você se inscreveu? — Pepper pergunta a Vandella.

— ... — Vandella mantém o silêncio.

— Oh, faz todo o sentido! — Pepper responde o silêncio.

... Ela continua em silêncio.

— Uau, garota, você é um gênio! — Pepper responde.

De volta para a cozinha.

Eu vou fazer mousse de maracujá, os ingredientes são básicos: uma lata de leite condensado, uma lata de suco de maracujá na mesma medida da lata de leite condensado, e uma lata de creme de leite sem soro, todos os ingredientes estão aqui. Mas eu já vou avisando que não estou obrigando ninguém a comer, quem quiser que passe fome. — Rocky decidiu tomar uma atitude após tanto tempo parados.

M-Mas Rocky, eu preciso da lata de leite condensado pra fazer pudim, aqui já tem os ovos e a xícara de açúcar, e eu tenho certeza de que a maioria vai aprovar minhas habilidades culinárias. — Eliott tentou dialogar sem brigar, no começo ele estava gaguejando mas depois se deixou levar e começou a se exibir.

No confessionário — Por que as pessoas daqui acham que eu sou algum tipo de monstro devorador de almas? Eu só não sou obrigada a concordar com tudo que dizem pra parecer amiga de todos. — Rocky desabafou irritada.

Já sei, que tal se nós fizermos um bolo de morango de três camadas? Eu amo bolo de morango, combina com o meu gloss de morango em qualquer estação. — Violette disse sentada com as pernas cruzadas em cima da mesa enquanto batia palmas.

Bolo no café da manhã? Isso é suicídio culinário! — Hillary berrou apavorada, após perceber que estavam todos olhando para ela tapou a boca com as duas mãos.

— Aí, provavelmente a Aurora vai nos dar o segundo desafio hoje, isso quer dizer que nós temos que fazer alguma coisa que seja grande e nutritiva ao mesmo tempo. — Todd falou diretamente para Vicky.

Jura? E o que você sugere que nós façamos de nutritivo com ESSES ingredientes.  — Vicky respondeu em um tom irônico enquanto passava com a mão em frente a mesa.

O interfone soa e a voz de Aurora ecoa pela cozinha. — Atenção, times! Compareçam ao jardim em meia hora! Apressem essas bocas!

Vamos fazer um smoothie de abacate com chá verde, é saudável e o mais próximo de facilidade que vamos conseguir com os ingredientes daqui. Aqui tem mel, canela e as amêndoas. — Todd disse pensativo enquanto ia avaliando os ingredientes da mesa.

Pode ser, mas não tem abacate, que é o principal. — Hillary disse se intrometendo na conversa.

Que seja! Vamos fazer um smoothie de morango e amêndoas, ajuda a aumentar o metabolismo e eliminar o estoque de gorduras e o gosto é melhor que o de abacate, além de ter todos os ingredientes aqui. — Vicky disse enquanto anotava todos os ingredientes em um bloco de notas e salvava a pátria.

Olha... Quem diria que alguém como você entende alguma coisa de culinária? — Todd disse em um tom provocativo e leva um tapa de Vicky.

Eu já disse que qualquer coisa que envolva morango combina com o meu gloss de morango em qualquer estação? — Violette se perguntou confusa.

Cala a boca, Violette! — Vicky retrucou enquanto separava as amêndoas e as xícaras de morangos congelados dos outros ingredientes.

Ué, você não vai ajudar, Bethany? — Hillary perguntou.

— Eu aprecio a oferta, porém dispenso! — Ela disse enquanto lixava as unhas. — Eu acabei de pintar as unhas, ficar encostando nesse amontado de frutas e outros ingredientes levaria o meu trabalho por água abaixo.

Será que dá pra vocês se apressarem? A outra equipe já começou a preparar os ingredientes deles e chegaram aqui depois de nós. — May disse alertando os outros, principalmente Rocky e Eliott que estavam discutindo.

Por que vocês não fazem um suflê de legumes? Eu não sou nenhum especialista em culinária, mas é versátil, leve e saboroso, a única coisa que nós precisamos no momento. — Troye sugeriu, apartando a discussão.

— Tá brincando? Pra fazer suflê é preciso cenoura, abobrinha, azeite a gosto e vários outros ingredientes. Além de que precisa ir ao forno, até nós terminarmos o desafio já teria começado. — Eliott disse rebatendo a sugestão de Troye.

— Não vai demorar tanto se todos nós colaborarmos, hora de trabalhar equipe! — Rocky tentou motivá-los.

Esperem, cadê a favelada e a indiana? Nós vamos perder o desafio se elas não estiverem aqui! — Vicky perguntou enquanto olhava para todos os lados e não encontrava Penny e Sakina, ela ficou tão irritada que quase derrubou os ingredientes.

No confessionário — Como eu acordei muito cedo e a única pessoa que estava acordada era a Penny, nós decidimos passear juntas. Eu espero que os membros do nosso time não fiquem frustrados. — Sakina se preocupa e o confessionário acaba.

E aí gente, vocês já decidiram o que vão comer? — Penny chegou falando alto na cozinha com Sakina ao seu lado.

— Aonde vocês estavam? — Hillary perguntou — E você está gritando por quê?

— Nós estamos preparando um smoothie de morango e amêndoas pro café da manhã, e graças a vocês, quase perdemos o desafio sem nem ter começado. — Vicky as encarou com um olhar distorcido e os braços cruzados.

Ai, para de ser dramática garota, nem começou o desafio ainda e você acha que nós vamos ficar presas aqui dentro só porquê você quer? Me poupe! — Penny rebateu estressada.

— Gente, não briguem! É isso que a Aurora quer, briga, desunião! Foi o seguinte: eu acordei e preparei um chai, como todos estavam dormindo eu decidi sair em um passeio com a Penny, foi só isso. — Sakina disse separando as duas.

— Aí gatas, não tão esquecendo de nada não? O outro time tá preparando um suflê e eles já tão quase na metade da receita enquanto nós mal começamos. — Todd avisou as outras.

— Bethany, para de ficar lixando as unhas e vai fazer alguma coisa, AGORA! — Vicky gritou enquanto apontava para os ingredientes

. E quem você acha que é pra me obrigar?

Eu sou aquela que vai transformar a sua estadia aqui em um inferno se você não começar a fazer esse smoothie agora, então começa a ler essa receita imediatamente — Ela entregou o bloco de notas com as anotações. — ou então você não vai ter mais dedos pra lixar essas unhas.

No confessionário — Os brutamontes sabem se virar, dos nerds alguns se salvam, e eu fiquei com o pior time! — Ela disse enquanto contava as equipes nos dedos. — Mas o Todd não é tão imbecil quanto as outras, eu preciso manter ele como meu aliado pelo menos até a fusão das equipes. — Vicky cruza os braços e olha para a tela com um olhar maquiavélico.

Os times se reúnem no jardim e os Gorilas finalmente deixam o porão. Aurora puxa seu telão mais uma vez.

— Olá, jovens! Bem-vindos ao segundo desafio da competição! Vamos ao ponto! — Aurora usa seu bastão para criar um mapa dos arredores do castelo. — Seu primeiro desafio hoje é achar um cavalo para sua carruagem! Mas cuidado, elas são pesadas como chumbo e um cavalo sozinho não conseguiria carregá-las. Podem usar a mata para achar animais ou simplesmente criem seu próprios meios para se movimentar. Boa sorte a todos! — Ela toca no ícone de buzina na tela e os times correm.

— Esse castelo é enorme! Deve ter algum celeiro por aí! — Logan disse a sua equipe, os fazendo rodear o castelo em busca de um.

— Vamos seguir eles? Parecem saber o que estão fazendo! — Sakina falou ao seu time.

— Além de serem completos idiotas perderam o último desafio, realmente acham que eles tem alguma chance? — Vicky respondeu com ignorância. — Devíamos procurar por um cavalo na floresta! Aquele lugar é tão nojento, deve estar cheio desses bichos asquerosos!

— A sirigaita tá certa! A floresta deve estar cheia de bichos! — Penny, pela primeira vez, concordou com Vicky.

As Borboletas correm para dentro da floresta, deixando apenas os Golfinhos no jardim do castelo.

— Então, o que faremos? — Law perguntou, olhando diretamente para May e Eliott.

— O que? — Eliott fica confuso com os olhares.

— Nada pessoal, mas vocês que são os inteligentes, então decidam logo o que vamos fazer. — Rocky comentou.

No confessionário — Eu me sinto tão prestigiado nesse time, parece que eles dependem de mim pra tudo! — Eliott fala e o confessionário acaba.

— Certo! — Eliott fala entre os Golfinhos com confiança — Vamos fazer algo que os outros times nunca conseguiriam fazer! Um robô! Vocês me dão algumas peças e eu construo um rapidinho!

O time conversa entre si e aceitam a ideia de Eliott, que os manda procurar por peças específicas enquanto rabisca a parede do castelo usando giz de cera que tirou do seus bolsos e formando um manual.

Durante isso, na floresta.

Penny e Vicky estão correndo pela floresta até que as duas param para descansar. Logo a frente, há uma ponte com caminhos que se dividem entre direita e esquerda.

Ótimo, vamos para a direita. — Penny disse enquanto estava prestes a atravessar a ponte até que foi puxada por Vicky. — Por que você fez isso garota?

Você está louca? A direita é o caminho mais óbvio nos filmes e séries, com certeza a gente vai encontrar algum urso-europeu ou qualquer outro animal por lá que vai tentar nos devorar, vamos pela esquerda. — Vicky respondeu fazendo com que as duas iniciassem uma discussão.

Se a sirigaita não perdesse tanto tempo com coisas fúteis como moda e maquiagem já saberia que os ursos-europeus foram extintos da Alemanha por volta de mil oitocentos e trinta e cinco. — Penny gritou enquanto aproximava o dedo indicador do rosto de Vicky.

E se você fosse tão culta como PENSA que é, saberia que em dois mil e seis um urso-europeu andou dos Alpes italianos até a Alemanha a procura de companhia. — Vicky respondeu enquanto deu um tapa na mão de Penny a afastando.

Nós vamos pela direita e pronto.

— Ah é? Me obriga! 

— Ah, pelo amor de Deus! Vamos pela mata ao lado e sair da estrada! — Todd fala enquanto entra dentro das árvores e dos arbustos, sem nem mesmo esperar as outras. — Uh, gente, achei algo bom pra gente aqui!

As garotas entram dentro da mata, com relutância, revelando uma grande quantidade de quadrúpedes incluindo burros, cervos e jegues, mas nenhum cavalo à vista.

— Ótimo, já temos os nossos cavalos! Agora é só levar! — Hillary disse, enquanto tentava puxar um dos burros. — Vamos lá, você consegue! — Ela dá um tapa no burro, o alarmando e o fazendo correr.

De volta ao jardim do castelo.

— Argh! Não achamos nada, obrigado pela péssima sugestão, Logan!  Pepper fala com raiva. — Agora o que vamos fa...

Um burro interrompe Pepper e a atropela, a jogando para a parede.

— Nossa, Pepper! Você é uma amuleto da sorte! — Damian diz, enquanto monta no burro. — Já temos nossa passagem para a vitória!

Novamente, na floresta.

Vocês são apenas um bando de fracassados, mas eu tenho uma ideia que vai nos tornar vencedores. Indiana e favelada — Vicky disse se referindo a Sakina e Penny — vocês vem comigo, vamos voltar para o castelo. Todd, Bethany e Violette, usem esses bichos para atrapalharem os outros.

Mas... — Todd estava prestes a perguntar algo, mas foi rapidamente interrompido por Vicky.

Essa não é a hora para perguntar nada, apenas obedeçam! — Ela disse enquanto voltava pelo mesmo caminho e Penny e Sakina iam atrás.

Eliott, Law, Lizzie, Troye e May estavam na colina perto da floresta, imediatamente, Todd moveu os cervos, burros e jegues para descerem a ladeira indo na direção dos Golfinhos.

O que é isso? — Lizzie gritou apavorada enquanto apontava para os animais, que vinham correndo em alta velocidade, todos fazendo barulhos diferentes.

— Ei, isso é jogo sujo! — Law disse irritado mas rapidamente foi atropelado pelos bichos assim como os outros membros de sua equipe, exceto Rocky e Catherine, que estavam procurando peças no castelo.

— Eu espero que a Vicky saiba o que está fazendo. — Todd disse enquanto olhava para Violette com os braços cruzados e um olhar frio.

Será que a Vicky voltou ao castelo pra pegar o meu gloss? Esse aqui é tão cinco minutos atrás! —Violette perguntou enquanto se admirava em um espelho pequeno.

Vicky, Bethany e Penny estavam correndo juntas, Vicky estava indo mais rápido que as outras e quando elas chegaram no castelo, no mesmo momento, Vicky colidiu com o burro que Damian estava montado e foi arremessada para o chão, Penny deu uma risada e imediatamente a escondeu com a mão.

Por que você não olha por onde anda, seu imbecil! — Ela disse enquanto se limpava de terra e grama que estavam espalhados por toda a parte de seu vestuário.

Tem certeza de que a culpa foi só minha? — Ele estendeu a mão e ajudou Vicky a se levantar, ambos olharam fixamente para seus olhos por segundos, até que Penny deu uma tossidinha e Vicky recompôs sua postura. 

Eu estou cercada de idiotas. — Ela disse enquanto retorcia os olhos e entrava no castelo, sendo seguida de Sakina e Penny.

— Climão, hein! — Pepper debochou enquanto ria com Luke, Damian os encarou estressado por segundos e logo subiu outra vez no burro.

 Mas por que você nos trouxe de volta para cá? — Sakina perguntou enquanto mexia os ombros e retorcia as sobrancelhas em uma expressão desentendida.

Eu espero que não seja ideia sua para nos fazer perder o desafio. — Penny disse com as mãos na cintura e um olhar direto.

Vocês são muito estúpidas pra entender, o meu celular sente fortes vibrações quando nós passamos por essa parede e nós estamos em um castelo antigo, com certeza há uma passagem secreta por algum lugar.

— Espera, você trouxe seu celular para cá? — Penny perguntou assustada enquanto apontava para o celular.

Ah, quem se importa? Vamos logo encontrar essa passagem secreta. — As três começaram a rodar pela sala principal por minutos até que Sakina encontrou um candelabro ao lado de um quadro de Aurora, ela puxou para baixo e uma passagem secreta apareceu levando a um lugar escuro e empoeirado.

Brillant! — Vicky disse após ver o progresso de seu plano, ela pegou um dos candelabros da sala e entrou nos túneis junto com Penny e Sakina, aproximou o dedo até a boca querendo dizer que era para elas fazerem silêncio.

Várias entradas apareceram mas elas decidiram seguir reto, até que encontraram um celeiro no fundo do túnel, com vários cavalos, mas um se destacava. Branco e com crina clara, as garotas adoraram o cavalo e decidiram o levar a superfície. Os Gorilas foram surpreendidos pelo cavalo mas continuaram silenciosos.

Muito tempo passa e Eliott consegue criar um robô feito de peças de lixo e metal encontrados pelo castelo e pela floresta, os Gorilas usam seu burro e as Borboletas seu cavalo. Aurora reúne todos no jardim novamente, com seu telão.

Parece que tiveram sucesso no primeiro desafio! Parabéns! Agora vamos a segunda parte! Uma corrida!

Aurora usa seu bastão no telão e ativa uma mapa dos arredores do castelo — Terão que alcançar esse trajeto. — Ela mostra uma área especifica na floresta — Usando esse caminho. — Uma linha se ativa e começa a seguir a ponta do bastão, dá um volta pelo castelo e vai até uma clareira na floresta — O primeiro a chegar, obviamente, é o vencedor! Os três times terão que carregar carruagens o tempo todo, se vocês a perderem, automaticamente serão o último lugar e enfrentaram a eliminação! Já que Eliott construiu o robô e Vicky e Damian montaram nos cavalos primeiro, serão os condutores da carruagem! Então preparar, apontar, fogo!

As três carruagens disparam em alta velocidade, com o cavalo mecânico sendo o mais rápido de todos os outros.

Vamos lá, Herbert! — Damian fala com seu burro tentando o encorajar.

Vamos sua máquina de fezes imprestável! — Vicky insulta o cavalo, que freia, dando um grande coice nela e quebrando uma parte da carruagem.

Boa sorte, Vicky! — Damian fala, enquanto a ultrapassa.

Vicky pula para fora da carruagem e tenta puxar o cavalo, mas não tem sucesso e o solta, fazendo ele fugir para longe.

O que eu faço agora... — Ela coloca os dedos no queixo e começa a pensar. Repentinamente seus olhos se abrem e ela chega a uma resolução, coloca as correias em suas costas e começa a puxar a carruagem.

No confessionário — Se quer algo bem feito, faça você mesmo — Ela diz, enquanto passa gelo em suas costas e pés.

No confessionário — Eu sempre soube que ela era uma mula, mas agora isso foi tão... literal! — Penny começa a rir e o confessionário acaba.

Eliott e Damian disputam a liderança, com Damian dando o máximo de si e Eliott relaxando com suas pernas para cima.

Há! Boa sorte no porão! — Damian diz enquanto ultrapassa Eliott por alguns centímetros.

É mesmo? — Eliott toca na sua orelha e seu cavalo robô começa a correr em uma velocidade incrivelmente rápida.

No confessionário — Nerds... — Damian bufa.

A corrida continua e Eliott tomba em várias árvores com seu cavalo, as derrubando e cobrindo o caminho dos outros competidores.

— Oh não! — Damian entra em desespero — Vamos lá, Herbert! Pule! Eu sei que você pode!

Herbert, a mula, pula sobre o tronco perfeitamente, surpreendendo a todos que assistiam de um telão na linha de chegada.

No confessionário — Eu tenho um jeito com animais! — Damian diz enquanto penteia seu cabelo.

— Isso foi incrível, mas alguém se aproxima da linha de chegada! Eliott! — Aurora diz, enquanto espreme seus olhos para o enxergar.

Eliott passa da linha de chegada, com Damian logo atrás. Os Golfinhos comemoram sua vitória e as Borboletas cruzam os braços com a chegada de Vicky, sem a carruagem.

Bom trabalho, jumenta! — Penny diz sarcasticamente. — Já sei quem vai levar meu voto hoje!

O perdedor está óbvio! Mas antes de irem para o castelo, tenho um anúncio a fazer, esperem e vejam.

— Aurora fala, enquanto está em pé sobre um pódio.

No confessionário — Isso foi como um aviso dos deuses para mim! Bastava aquele tempo extra ter sido dado que eu já bolei um plano perfeito! — Vicky ri de um jeito maléfico enquanto esfrega as mãos e o confessionário acaba.

Vicky se aproxima do cavalo e abre seus circuitos, usando dispositivos de seu celular para modificar o robô, ela então fecha seus circuitos e se afasta.

Tenho uma novidade para vocês! Agora um ídolo de imunidade está escondido pelo castelo e seus arredores!  Se vocês o acharem, será propriedade de vocês por toda a competição e podem utilizá-lo quando forem eliminados, assim serão salvos e terão mais uma chance, com a segunda pessoa com mais votos sendo salva! Qualquer um que roube um ídolo já achado será eliminado automaticamente. — Aurora anuncia enquanto mostra o ídolo a todos. — Ok, agora podem voltar para o castelo, utilizem seus cavalos e vejo vocês na eliminação, Borboletas!

Eliott se aproxima de seu cavalo e o ativa, mas é surpreendido quando ele corre muito rapidamente descontroladamente na direção de Aurora, que estava lixando as unhas.

Cuidado! — May gritou e todos pularam para fora da direção do cavalo, que atropelou Aurora.

Os competidores se juntaram entre Aurora e Damian a ajudou a se levantar. Ela estava totalmente machucada com seus olhos roxos e cabelo bagunçado, olhando de um jeito ameaçador para Eliott.

Isso é uma quebra das regras. Eliott Aaron Blum, está automaticamente eliminado. — Aurora grita enquanto aponta para Eliott.

Todos olham com surpresa a cena e Vicky ri silenciosamente. A cena pula para o porão, onde todos estão reunidos, menos Vicky. Eliott está dentro da dama de ferro.

Aprenda a construir robôs quando for para casa! Seu grande perdedor! — Aurora o provoca e fecha as portas. A dama de ferro libera a fumaça e abre, sem ninguém dentro — Isso é tudo por hoje em DRAMA! TOTAL! O CASTELO ASSOMBRADO!

Na cozinha, Vicky pega uma barra de cereais da geladeira e volta para o seu quarto, mas alguém a espera no corredor.

Pensa que eu não vi nada? — May fala, enquanto se apoia de costas na parede, com seus braços cruzados.

Oh, faça-me o favor, claro que viu aquela falha mecânica acertando a Aurora!

Vicky, eu vi você roubando! Você vai pagar por eliminar meu amigo!

Aham, certo, vamos ver se você realmente sabe fazer algo além de ser uma nerd, otária! — Vicky dá uma mordida em sua barra de cereais e sai.

Vamos ver quanto você vai durar, princesa da maldade. — May fala para si mesma.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória